Bombardeios de aviões sírios em Ghouta deixam 13 civis mortos

Com as mortes de hoje, o número de vítimas desde a escalada da violência em Ghouta Oriental aumenta a 915, sendo 188 menores de idade

Cairo – Pelo menos 13 civis morreram nesta quinta-feira em vários bombardeios na região de Ghouta Oriental, o principal reduto opositor nos arredores de Damasco, enquanto as tropas governamentais continuam a ofensiva.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos indicou que dez civis foram mortos na cidade de Zamalka em um bombardeio aéreo, enquanto outros três morreram em Saqba. Outras quatro pessoas ficaram feridas na cidade de Duma, a maior de Ghouta Oriental.

Com as mortes de hoje, o número de vítimas desde a escalada da violência em Ghouta Oriental aumenta a 915, sendo 188 menores de idade.

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) e a ONU confirmaram hoje que o comboio humanitário que estava previsto para entrar hoje em Ghouta Oriental, não poderá seguir devido a uma novo aumento da violência.