Bombardeio do regime sírio durante funeral deixa vários mortos

Ofensiva da ditadura de Bashar al-Assad deixou 45 pessoas mortas no subúrbio de Damasco

Cairo – Pelo menos 45 pessoas morreram nesta quarta-feira após um bombardeio do regime sírio durante um funeral no subúrbio de Sayida Zeinab, no sul de Damasco, denunciaram hoje os grupos da oposição.

Os números de vítimas variam segundo a organização: indo de 45, pelas contas da rede Sham, a mais de 100, de acordo com a Comissão Geral da Revolução Síria.