É sancionada lei que permite Morales disputar 3ª reeleição

A nova norma, já sancionada pelo Parlamento, foi promulgada pelo vice-presidente Álvaro García Linera, que exercia hoje como presidente, já que Morales está nos EUA

La Paz – O governo da Bolívia promulgou nesta segunda-feira a lei que permitirá ao presidente Evo Morales apresentar-se às eleições para tentar um terceiro mandato que o transformaria, se for eleito, no líder que mais tempo governou o país andino.

A nova norma, já sancionada pelo Parlamento, foi promulgada pelo vice-presidente Álvaro García Linera, que exercia hoje como presidente, uma vez que Morales está nos Estados Unidos.