BCs discutem deixar relaxamento em instantes diversos

Jens Weidmann disse que os presidentes dos BCs discutiram a probabilidade de que abandonem as políticas de relaxamento monetário em momentos diferentes

Moscou – O presidente do Bundesbank, o banco central da Alemanha, e membro do conselho diretor do Banco Central Europeu (BCE), Jens Weidmann, disse neste sábado que os presidentes dos BCs reunidos numa cúpula do G-20 em Moscou, na Rússia, discutiram a probabilidade de que abandonem as políticas de relaxamento monetário em momentos diferentes.

“Os presidentes dos bancos centrais deixaram claro que as diferenças nos mandatos dos bancos centrais e no desenvolvimento cíclico de cada país podem causar esse abandono em momentos diferentes”, afirmou. No entanto, Weidmann afirmou que, apesar das diferenças de cada país, o aperto das políticas de relaxamento monetário feito, individualmente, por BCs terá consequências mundiais. “Um abandono da política de relaxamento monetária está conectado com efeitos colaterais internacionais.” Fonte: Dow Jones Newswires.