Aviões militares retomam ataques em vários setores de Trípoli

Segundo testemunhas entrevistadas pela Al Jazeera, mercenários se juntaram às forças militares e de segurança da Líbia nas operações

Cairo – A Força Aérea líbia bombardeou nesta terça-feira vários setores de Trípoli como parte de uma ofensiva aos protestos na capital líbia contra o regime de Muammar Kadafi, informou a rede catariana de televisão “Al Jazeera”.

Conforme testemunhas citadas pela emissora, nas operações participam mercenários que se somaram às forças militares e de segurança da Líbia para reprimir os protestos.

A rede revelou que em um bairro ao leste de Trípoli ainda era possível ver corpos nesta terça nas ruas. Na véspera, 61 pessoas foram mortas pela repressão aos protestos públicos em Trípoli.

“Os aviões de guerra e os helicópteros estão bombardeando indiscriminadamente um setor após outro. Há muitos mortos”, disse um das testemunhas citados pela “Al Jazeera”, Adel Mohammed Saleh. Formam vistos ainda helicópteros militares transportando mercenários.

Enquanto isso, a cidade oriental de Benghazi, a segunda maior do país, segue nesta terça sob controle dos manifestantes contra o regime, depois que os quartéis fossem abandonados pelos soldados.