Avaliação sobre governo de Barack Obama piora

Apenas metade dos entrevistados disse que a administração Obama é muita ou de certa forma competente, de 57% em junho de 2013

Nova York – O presidente dos EUA, Barack Obama, está enfrentando dúvidas crescentes sobre a capacidade e habilidade de completar algo no seu segundo mandato, mostrou uma pesquisa conduzida pelo Wall Street Journal e pela NBC News.

Embora as pessoas tenham concordado em questões importantes, como a regulação ambiental, apenas metade dos entrevistados disse que a administração Obama é muita ou de certa forma competente, de 57% em junho do ano passado.

Outros números da pesquisa também acendem um sinal de preocupação: 54% dos entrevistados acreditam que Obama não conseguirá liderar o país e “fazer o trabalho” no resto de seu mandato como presidente, e 41% afirmaram que a performance da administração Obama piorou no último ano.

“Tudo se resume a uma palavra: liderança”, afirmou Peter D. Hart, pesquisador democrata que ajudou a conduzir a pesquisa em conjunto com seu parceiro Fred Yang e com o pesquisador republicano Bill McInturff. “Ele pode estar vencendo o debate dos problemas, mas ele está perdendo o debate político porque eles não o veem como um líder.”

A desaprovação nos assuntos internacionais atingiu a máxima de 57%, de 53% em abril. A avaliação foi afetada negativamente após a decisão de trocar cinco prisioneiros do Taleban por um soldado norte-americano, algo que 44% dos entrevistados disse que Obama não deveria ter feito, contra o apoio de 30%.

Mesmo assim, Obama ainda conseguiu o apoio para as novas propostas para combater o aquecimento global, com uma aprovação de 67% e desaprovação de 29%. Fonte: Dow Jones Newswires.