Atentado com carro-bomba no Paquistão deixa 12 mortos

Segundo o jornal "Express Tribune", o ataque aconteceu em um mercado da cidade de Parachinar

Islamabad – Pelo menos 12 pessoas morreram e cerca de 40 ficaram feridas em um atentado com carro-bomba na área tribal de Kurram, localizada no noroeste do Paquistão e fronteiriça com o Afeganistão, informaram nesta segunda-feira os meios de comunicação locais.

Segundo o jornal “Express Tribune”, o ataque aconteceu em um mercado da cidade de Parachinar. O carro usado pelos criminosos estava estacionado a poucos metros da área comercial foi detonado.

Fontes policiais afirmaram à emissora “Dunya” que é possível que o número de mortos aumente por conta da potência da explosão, que aconteceu em uma rua estreita e muito movimentada por volta das 4h (horário de Brasília).

O atentado provocou queda de energia em toda a região, contribuindo para o aumento do pânico entre os clientes e os comerciantes do mercado.

Desde o final do ano passado, o exército paquistanês enfrenta os fundamentalistas pelo controle do estratégico triângulo formado pelas áreas tribais de Orakzai, Khyber e Kurram, que dão entrada ao Afeganistão.

Em junho, os insurgentes deram um grande golpe nas autoridades e conseguiram controlar totalmente o vale de Tirah, em Kurram, uma zona chave que é a passagem natural entre o noroeste do Paquistão e o Afeganistão.