Ataques aéreos em Bagdá matam ao menos 14 pessoas

O exército iraquiano foi atingido por três bombas na estrada. Um oficial e dois soldados foram mortos; oito ficaram feridos

Bagdá – O Iraque afirmou que ataques em diferentes áreas da capital, Bagdá, foram registrados nesta segunda-feira. Ao menos 14 pessoas foram mortas e 43 ficaram feridas após os ataques.

De acordo com as autoridades, quatro civis foram mortos e 11 ficaram feridos no sul de Bagdá.

O exército iraquiano foi atingido por três bombas na estrada. Um oficial e dois soldados foram mortos; oito ficaram feridos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou que 82 “equipes de resposta rápida” foram criadas para gerenciar os riscos de epidemia, exposição a produtos químicos e outras preocupações de saúde em Mosul, cidade que o Iraque tenta tomar do Estados Islâmico.

A OMS disse que as pessoas podem “enfrentar perturbações” com a água e o saneamento à medida que as forças iraquianas consigam entrar em Mosul.

A organização também alerta para doenças transmitidas por alimentos e bebidas, como a cólera. Fonte: Associated Press.