Ataques a cidade síria matam 24 combatentes do EI e 8 civis

No momento é impossível saber se os bombardeios foram executados por aeronaves sírias, russas ou da coalizão liderada pelos Estados Unidos

Ao menos 24 combatentes do grupo Estado Islâmico (EI) e oito civis morreram neste domingo em ataques aéreos contra a cidade síria de Raqa, a “capital” do movimento jihadista, anunciou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

No momento é impossível saber se os bombardeios foram executados por aeronaves sírias, russas ou da coalizão liderada pelos Estados Unidos, completou a ONG.

“Ao menos 24 membros do EI, incluindo três comandantes, assim como oito civis morreram em ataques aéreos”, declarou o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

“Não sabemos se os aviões eram da coalizão liderada pelos Estados Unidos, do regime sírio ou da Rússia“, completou.