Ataque contra fazenda no Sudão do Sul deixa 22 mortos

As testemunhas acusaram do ataque os rebeldes seguidores do ex-vicepresidente Riek Mashar

Juba – Pelo menos 22 pessoas morreram e outras oito ficaram feridas nesta sexta-feira em um ataque perpetrado por homens armados contra uma fazenda na área de Tonj, no estado de Warrap, no centro do Sudão do Sul, informaram à Agência Efe testemunhas do ataque e uma fonte militar.

As testemunhas acusaram do ataque os rebeldes seguidores do ex-vicepresidente Riek Mashar, mas o porta-voz do exército sul-sudanês, Philip Aguer, que confirmou à Efe o incidente, disse que ainda não foi possível identificar os autores.