Ao menos 9 mortos em distúrbios no nordeste da Índia

"A situação é tensa e estamos enviando mais soldados paramilitares", disse o chefe da polícia do estado de Assam

Guwahati – Ao menos nove pessoas morreram na madrugada desta quarta-feira nos distúrbios entre grupos étnicos no nordeste da Índia, indicaram fontes oficiais, um balanço que eleva a 35 o número de vítimas e que obrigou 170 mil pessoas a abandonar a região.

“A situação é tensa e estamos enviando mais soldados paramilitares”, disse o chefe da polícia do estado de Assam, J.N. Choudhury, explicando que os corpos de nove pessoas mortas durante a noite foram encontrados na manhã desta quarta-feira.

Hagrama Mohilary, chefe do Bodoland Territorial Council, uma autoridade local, disse à AFP por telefone que “35 pessoas morreram até agora e 170 mil pessoas estão refugiadas em campos de socorro do governo”.