Aneel vai leiloar sete linhas de transmissão e três subestações

O quinto leilão de transmissão deste ano, que será realizado no dia 6 de junho na sede da BMF&Bovespa, em São Paulo

Brasília – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (2) o edital do quinto leilão de transmissão deste ano, que será realizado no dia 6 de junho na sede da BMF&Bovespa, em São Paulo. Serão leiloados seis lotes, com sete linhas de transmissão, com total de 678 quilômetros, e três subestações com 975 megavolt-amperes (MVA) de potência.

Segundo a Aneel, os empreendimentos, que devem estar prontos em um prazo de 18 a 24 meses, vão demandar R$ 920,8 milhões em investimentos, com geração de 4 mil empregos diretos. As instalações de transmissão serão nos estados do Rio Grande do Sul, Paraná, de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e daBahia.

O vencedor do leilão será o que apresentar o menor valor para a Receita Anual Permitida (RAP), que é o quanto a transmissora terá direito pela prestação do serviço, a partir da entrada em operação comercial das instalações. A RAP máxima prevista pela Aneel para todos os lotes é R$ 99,9 milhões, valor que deverá cair com a disputa no leilão.