Aneel autoriza reajuste de tarifas de 10 distribuidoras em abril

Entre as que terão suas tarifas atualizadas estão a Cemig, CPFL Paulista e as três distribuidoras da Neoenergia

São Paulo – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira que dez distribuidoras de energia elétrica terão suas tarifas atualizadas em abril, por conta do calendário de reajustes anuais.

Entre elas, estão a Cemig, CPFL Paulista e as três distribuidoras da Neoenergia.

A partir de 8 de abril, ocorrerão reajustes em quatro distribuidoras. No caso da estatal mineira, o reajuste médio será de 8,8 por cento, e na matogrossense Cemat, da Rede Energia, o reajuste será de 13,18 por cento.

Na CPFL Paulista (que atende 234 municípios, como Campinas, Ribeirão Preto, Bauru e São José do Rio Preto), o reajuste será de 6,71 por cento, e na Enersul, também da Rede Energia, o aumento médio será de 17,56 por cento.

Em 19 de abril, serão reajustadas as tarifas de AES Sul e Usina Hidro Elétrica Nova Palma Ltda (Nova Palma Energia, no Rio Grande do Sul), com elevações de, respectivamente, 13,37 por cento e 8,22 por cento.

No dia 22 de abril serão aplicados mais três reajustes. A Coelba e a Cosern, ambas da Neoenergia, terão altas de 11,96 por cento e 11,6 por cento, enquanto a Energisa Sergipe terá reajuste de 12,5 por cento.

Por fim, a Celpe, também da Neoenergia, terá reajuste a partir de 29 de abril, mas o pleito da distribuidora ainda não está disponível no site da Aneel.

“As empresas encaminham à Aneel o pleito de reajuste. O índice é usado como referência para análise da área técnica da agência, que define, posteriormente, em reunião pública da diretoria, os percentuais a serem aplicados”, explica a agência reguladora.