Alemanha vai deportar para a Grécia imigrantes com pedido de asilo aberto

Com base na lei da UE, refugiados devem pedir asilo no 1º país a que chegarem, mas a Alemanha estava permitido a entrada com pedidos de asilo

Berlim – A Alemanha e a Grécia chegaram a um acordo que permitirá a autoridades alfandegárias alemãs barrar e deportar imigrantes não documentados nas suas fronteiras para território grego se eles já tiverem registrado um pedido de asilo lá.

O acerto é parte da tentativa da chanceler Angela Merkel de preservar a unidade do seu atribulado governo de coalizão. A união tripartidária quase entrou em colapso em julho em uma disputa sobre se imigrantes que entrarem na Alemanha, mas não tiverem direito de pedir asilo no país deveriam ser barrados sob a legislação da União Europeia.

“Alcançamos um acordo com a Grécia que será formalizado em breve”, disse uma porta-voz do Ministério do Interior alemão.

De acordo com a lei da UE, refugiados devem pedir asilo no primeiro país do bloco a que chegarem, mas a Alemanha tipicamente tem permitido que entrantes com pedidos de asilo em outros Estados-membros morem em solo alemão enquanto Berlim analisa os casos. Na prática, pouquíssimos eventualmente deixam a Alemanha, mesmo que o seu pedido seja negado.