Alemanha prosseguirá controlando fronteiras até final do mês

Berlim enviou à Comissão Europeia uma carta para informar a decisão, pois a "situação nas fronteiras faz com que não possamos renunciar a esta medida"

A Alemanha vai prosseguir até o dia 31 de outubro com os controles nas fronteiras, estabelecidos em meados de setembro para enfrentar o grande fluxo de refugiados, anunciou à AFP uma fonte do ministério do Interior.

Berlim enviou à Comissão Europeia uma carta para informar a decisão, pois a “situação nas fronteiras faz com que não possamos renunciar a esta medida”, segundo a fonte.

O controle nas fronteiras suspende de fato os acordos do espaço Schengen de livre circulação.

A Alemanha implementou os controles no dia 13 de setembro.

“Temos que voltar a uma administração ordenada da política de refugiados”, disse a fonte do ministério do Interior.

A Alemanha, país de maior população da União Europeia, recebeu o maior número de migrantes que entraram na Europa em fuga da guerra e da pobreza.

O governo calcula que o país pode receber entre 800.000 e um milhão de refugiados em 2015.