Alemanha aprova missão na Síria contra Estado Islâmico

Alemanha contra o EI: o país vai fornecer jatos de reconhecimento e cerca de 1.200 militares para suporte de pessoal

Berlim – O Parlamento da Alemanha aprovou a missão de fornecer assistência militar na campanha contra o Estado Islâmico, incluindo jatos de reconhecimento e cerca de 1.200 militares para suporte de pessoal.

Os políticos realizaram uma votação nesta sexta-feira, com 445 votos a favor e 146 contra, e aprovaram o plano elaborado pelo gabinete da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, após o país ter se comprometido a dar mais suporte à campanha devido aos ataques terroristas em Paris.

A Alemanha pretende enviar até seis jatos de reconhecimento Tornado e aviões-tanque, assim como um navio para ajudar a proteger o porta-aviões francês Charles de Gaulle no leste do Mediterrâneo. Entretanto, o país não se envolverá ativamente nos combates.

As forças da Alemanha estarão armadas e autorizadas a se defenderem, caso atacadas, mas os pilotos não conduzirão ataques aéreos na Síria.