AIEA divulgará relatório sobre programa nuclear iraniano

A agência examinará o documento no dia 15 de dezembro, seguindo o mapa do caminho adotado julho passado, em Viena

O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Yukiya Amano, anunciou nesta quinta-feira que entregará na próxima semana seu relatório sobre a possível dimensão militar (PMD) passada do programa nuclear iraniano, ao menos até 2003.

A agência examinará o documento no dia 15 de dezembro, seguindo o mapa do caminho adotado julho passado, em Viena, em acordo entre Teerã e as grandes potências com o intuito de resolver mais de 13 anos de conflito envolvendo o programa nuclear iraniano.

“Na semana que vem, pretendo apresentar minhas conclusões finais sobre todas as questões passadas e presentes que seguem pendentes”, declarou Amano, referindo-se à PMD, em comunicado publicado na segunda-feira durante uma reunião da AIEA em Viena.

Teerã sempre negou as acusações sobre a suposta finalidade militar de seu programa nuclear, afirmando que essas suspeitas estão baseadas em documentos falsos.

Irã e os países do grupo 5+1 (Estados Unidos, China, Rússia, Grã-Bretanha, França e Alemanha) chegaram, no dia 14 de julho em Viena, a um acordo histórico para garantir o caráter pacífico do programa nuclear iraniano em troca do levantamento das sanções.

A AIEA entregará, nas próximas semanas, outro informe sobre como o Irã aplica esse acordo.