Aeroporto de Heathrow cancela voos após invasão de pista

Fotos postadas no Twitter mostraram ativistas acorrentados, alguns sorrindo sob cobertores e deitados junto as marcas de pneus de aeronaves

Londres – O aeroporto de Heathrow cancelou alguns voos nesta segunda-feira após pelo menos 12 ativistas cortarem uma cerca do perímetro e se acorrentarem juntos na pista de voo em protesto contra a possível expansão do maior aeroporto da Grã-Bretanha.

Em um ato que levantou questões sobre a segurança do aeroporto mais movimentado da Europa, os ativistas disseram que demorou somente minutos para cortar uma cerca elétrica aparentemente não vigiada, dando acesso à pista norte.

“Ambas pistas estão abertas, embora ainda vão existir atrasos e alguns cancelamentos – pedimos desculpas pelo problema aos passageiros”, informou o aeroporto em uma nota via e-mail.

Os ativistas, de um grupo chamado “Plane Stupid”, que se opõe ao crescimento da aviação, disseram que um plano de 36 bilhões de dólares para construir uma terceira pista em Heathrow iria aumentar as emissões de gás carbônico e seria bloqueado por protestos.

Fotos postadas no Twitter mostraram os ativistas acorrentados, alguns sorrindo sob cobertores e deitados junto as marcas de pneus de aeronaves.

Fotos posteriores mostraram alguns dos manifestantes sendo levados pela polícia britânica, que informou que seis foram presos e cerca de sete ativistas continuaram na pista por seis horas depois.

“Oficiais continuam no local, resumindo o trabalho de remoção dos manifestantes remanescentes”, disse um porta-voz da Polícia Metropolitana de Londres. Os manifestantes estão longe o suficiente para permitir a decolagem de maior parte das aeronaves.