Adolescente que denunciou perseguição é encontrada morta

Adolescente que protestou contra a perseguição a seu pai por um conselho de anciões na Índia foi encontrada morta

Calcutá – Uma adolescente que protestou contra a perseguição a seu pai por um conselho de anciões em uma localidade do leste da Índia foi encontrada morta, anunciou uma fonte policial.

Três homens foram detidos e a polícia está investigando se a adolescente de 16 anos foi estuprada.

Segundo o pai, a adolescente desapareceu após uma tentativa de protegê-lo do conselho de anciões, que o ameaçou de agressão pela falta de pagamento de um empréstimo.

Os integrantes do conselho da localidade no estado de Bengala Ocidental convocaram a jovem na segunda-feira à noite e exigiram que a adolescente lambesse os cuspes no chão, segundo o canal NDTV, que entrevistou moradores.

A jovem havia implorado ao conselho que não agredisse o pai.

Os conselhos de anciões mantêm uma grande influência nos vilarejos pobres da Índia rural e atuam como um sistema judiciário paralelo para resolver disputas.

A Índia endureceu a legislação após o estupro coletivo e o assassinato de uma estudante em Nova Deli em 2012, que provocou uma onda de indignação em todo o país.