Acidente de trânsito deixa 11 mortos no sul do Chile

A governadora disse à emissora local "TNC" que, dentre os mortos, há dois menores de idade

Santiago do Chile – Pelo menos 11 pessoas morreram e 15 ficaram feridas nesta quarta-feira devido à colisão entre uma van e um caminhão no sul do Chile, confirmou à imprensa a governadora da província de Arauco, Flor Weisse.

A governadora disse à emissora local “TNC” que, dentre os mortos, há dois menores de idade. A maioria dos feridos foi transferida ao Hospital de Cañete.

Os dois veículos transitavam em direção contrária pela rodovia P-70, que une as localidades de Cañete e Tirúa, na província de Arauco, na região de Biobío, cerca de 700 quilômetros ao sul de Santiago.

A colisão não foi frontal, mas ocorreu quando a carroceria do caminhão caiu na pista contrária e atingiu a lateral do ônibus, que transportava vários passageiros entre Cañete e Tirúa.

“No momento da batida, chovia muito forte, a carroceria do caminhão florestal se desprendeu e acertou a van, causando a tragédia que nos deixou consternados e muito afligidos”, declarou à edição online do jornal “El Mercúrio” o prefeito de Cañete, Jorge Radonich.