Acidente com 2 ônibus mata 12 pessoas no norte do Paquistão

Os veículos se chocaram e despencaram em uma ribanceira por cerca de 50 metros até o leito de um rio

Islamabad – Pelo menos 12 pessoas morreram em um acidente ocorrido a cerca de 30 quilômetros de Islamabad, a capital do Paquistão, onde dois ônibus se chocaram e despencaram em uma ribanceira por cerca de 50 metros até o leito de um rio, informou nesta quinta-feira uma fonte policial à Agência Efe.

O acidente aconteceu na noite de ontem na região de Salgran quando os dois veículos, em que viajavam em torno de 60 passageiros, saíram da cidade turística de Murree, no norte do país, rumo a Rawalpindi, cidade vizinha à capital.

“Aparentemente, os dois ônibus trocaram várias vezes de posição durante boa parte do trajeto e o acidente ocorreu durante uma destas manobras devido ao excesso de velocidade e à chuva que estava caindo”, explicou um agente policial de Murrer, Akmal Abbasi.

Após perder o controle, os veículos saíram da pista e caíram por cerca de 50 metros até o leito de um rio, o que causou a morte de 12 de passageiros e ferimentos em outras 36 pessoas, segundo a polícia.

Após o acidente foi iniciada uma ampla operação de resgate com a participação de forças policiais, equipes de salvamento e, inclusive, do Exército, que teve que ajudar devido às dificuldades de acesso ao local, de acordo ao jornal paquistanês “Dawn”.

A região da capital vem sofrendo com o mau tempo há alguns dias, com temperaturas noturnas abaixo de zero e precipitações.

Murree, uma antiga estação de montanha muito frequentada pelos funcionários britânicos nos tempos do Império, é ainda um destino habitual para turistas locais de Islamabad e Rawalpindi, tanto no inverno como no verão.

O Paquistão conta com um dos índices mais altos do mundo de acidentes de trânsito devido ao péssimo estado das estradas, problemas nos veículos e a superlotação do transporte público.