A devastação do poderoso furacão Irma em imagens

Até agora, Irma deixou 1 milhão sem luz em Porto Rico e derrubou praticamente todas as casas em Barbuda. República Dominicana e Haiti são os próximos

São Paulo – O mundo observa com atenção a passagem de Irma pelo Caribe. O furacão de categoria 5 (a mais alta na escala que mede esses fenômenos) está sendo considerado um dos mais poderosos que já passaram pelo Oceano Atlântico. Suas rajadas de vento, que atingiram até o momento 295 km/h, estão deixando para trás um saldo trágico de destruição.

Paraísos caribenhos como Barbuda, St. Barts, St. Martin, Porto Rico já sofreram com a sua fúria. Até o momento, Irma deixou 1 milhão de pessoas sem luz em Porto Rico e derrubou praticamente todas as casas em Barbuda. Registros iniciais dão conta de oito mortos e 21 feridos em St. Martin, mas esses números devem aumentar nas próximas horas e serem observados em vários lugares.

Ainda hoje, estima o serviço meteorológico americano (NOAA), será a vez de a República Dominicana e o já castigado Haiti (que ainda se recupera de outro furacão, Matthew, que atingiu a ilha no ano passado) sentirem a passagem de Irma. A expectativa é que ao chegar nestes locais as rajadas atinjam 300 km/h.

O fenômeno passará, ainda, por Cuba, Turcos e Caicos, Bahamas e os Estados Unidos. Segundo previsões divulgadas pela Organização das Nações Unidas (ONU) cerca de 37 milhões de pessoas serão afetadas pelo furacão, que deve desencadear graves crises humanitárias Caribe afora. Suas ilhas são populares entre turistas de todo o mundo, mas suas populações vivem na pobreza.

Abaixo, EXAME.com compilou vídeos e fotos que mostram a devastação de Irma em diferentes pontos da região caribenha.

Porto Rico

St. Martin

Ilhas Virgens Britânicas