62% escolheram presidente antes de setembro, diz pesquisa

A pesquisa mostrou também que apenas 40% dos eleitores dos EUA disseram estar animados ou otimistas com Hillary ou Trump

São Paulo – Uma pesquisa preliminar divulgada pela rede de notícias CNN apontou que 62% dos eleitores nos EUA fizeram sua escolha sobre o próximo presidente do país antes de setembro, o que significa que os recentes escândalos envolvendo o republicano Donald Trump diante de acusações de assédio sexual e a democrata Hillary Clinton no caso do envio de e-mails sigilosos a partir de um servidor privado, não afetaram a decisão da maioria.

A pesquisa mostrou também que apenas 40% dos eleitores dos EUA disseram estar animados ou otimistas com Hillary Clinton ou Donald Trump na Casa Branca no próximo ano.

O número contrasta com a visão dos eleitores sobre o atual presidente dos EUA, Barack Obama. Para 54% dos eleitores que foram hoje às urnas, Obama tem feito um bom trabalho.

E embora haja muita conversa de Donald Trump sobre a eleição ser fraudada, cerca de oito em cada dez eleitores disseram estar pelo menos um pouco confiante de que os resultados das eleições seriam contados com precisão.

Além disso, sete em cada dez votantes preferem oferecer à maioria dos imigrantes ilegais a possibilidade de se candidatarem ao estatuto legal, contra apenas um quarto dos eleitores que queriam a maioria deles deportados para o país de onde vieram. Em 2012, 65% eram favoráveis ao status legal, contra 28% favoráveis à deportação.