Zuckerberg se explica em Senado e ações do Facebook sobem

A audiência foi marcada para que Zuckerberg prestasse esclarecimentos sobre o vazamento de dados de ao menos 87 milhões de usuários

São Paulo – As ações do Facebook registravam ganhos de 3,68% na tarde desta terça-feira. Os papéis eram negociados por 164,04 dólares, o valor mais alto desde 23 de março desde ano.

Os investidores acompanham as explicações dadas por Mark Zuckerberg, CEO da companhia, em audiência no Senado americano.

A audiência foi marcada para que Zuckerberg prestasse esclarecimentos sobre o vazamento de dados de ao menos 87 milhões de usuários pela consultoria política Cambridge Analytica.

Desde o escândalo do vazamento, as ações do Facebook  acumulam queda de 12% na Nasdaq, o que fez a companhia perder mais de 80 bilhões de dólares em valor de mercado. Atualmente, o valor de mercado do Facebook é estimado em 473,87 bilhões de dólares.

Ontem, em texto divulgado, Zuckerberg pediu desculpas por não terem feito o suficiente para evitar que as ferramentas da rede social fossem utilizadas de maneira maliciosa.

“Não tivemos uma visão suficientemente ampla de nossas responsabilidades e isso foi um grande erro. Foi erro meu e eu sinto muito”, disse Zuckerberg.

Hoje, o Facebook anunciou um programa de recompensas para denúncias de abusos de dados dentro da rede social. Batizado de Programa Data Abuse Bounty, ele foi inspirado em esforços similares que startups e empresas de tecnologia fazem para buscar por bugs críticos em seus sistemas.