WhatsApp bloqueado; Bolsa cai com bancos…

Bloqueio do WhatsApp

A Justiça determinou, na tarde de hoje, que o aplicativo de troca de mensagens WhatsApp fosse bloqueado pelas operadoras de telefonia por 72 horas. A decisão é do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto, no Sergipe, que atendeu ao pedido da Polícia Federal, endossado pelo Ministério Público. O pedido alega que o Facebook, dono do aplicativo, não cumpriu ordens judiciais para entregar dados relativos a uma investigação relacionada ao tráfico de drogas. É a segunda vez que o aplicativo sofre esse tipo de ação — a primeira foi em dezembro, quando o WhatsApp ficou fora do ar por pouco mais de 12 horas. Em comunicado, a empresa disse que não tem acesso aos dados que a Justiça solicita.

_

Bolsa cai com bancos

O Ibovespa fechou o dia com queda de 0,65% nesta segunda-feira. Pesou o desempenho dos bancos. As ações preferenciais do Itaú Unibanco, as ordinários do Banco do Brasil e as preferenciais do Itaúsa caíram mais de 2%. A queda também acontece com após a notícia de que a fornecedora de sondas Sete Brasil apresentou, na sexta-feira 29, pedido de recuperação judicial. A companhia teria cerca de 18 bilhões de reais em débitos pendentes com bancos no país.

_

Imposto no dólar

A compra de dólar em espécie passa a ser tributada com Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) de 1,10% a partir desta terça-feira 3. A alíquota anterior era de 0,38%. Com a medida, o Ministério da Fazenda informou que espera arrecadar 2,37 bilhões de reais por ano. Em 2016, o impacto será de 1,4 bilhão de reais.

_

Tim: sob nova direção?

A empresa de telecomunicações Tim informou nesta segunda-feira que está em revisão para uma possível mudança da administração da companhia. Segundo a agência Bloomberg, a Telecom Itália, controladora da Tim, está perto de nomear Stefano de Angelis, atual diretor da unidade de negócios de consumo da Tim, para substituir Rodrigo Abreu como presidente do grupo. Segundo a agência a decisão pode ser anunciada ainda esta semana. Segundo a Tim, a indicação de seus diretores e diretor-presidente, cujos mandatos já expiraram, será realizada na próxima reunião do conselho de administração, agendada para o dia 11 de maio.

_

Fora de campo

O faturamento dos 20 maiores clubes brasileiros de futebol cresceu 23,7% em 2015 em comparação com o ano anterior, alcançando 3,7 bilhões de reais. Segundo estudo do consultor de marketing e gestão esportiva Amir Somoggi, o principal fator para a melhora no desempenho dos times foi o aumento das receitas com transferências de atletas, que passaram de 406 milhões de reais para 638 milhões de reais. O time que mais faturou em 2015 foi o Cruzeiro, com receita de 363,8 milhões de reais. Já o Botafogo é o clube com a maior dívida, de 731 milhões de reais.

_

Acordo na Smiles

A empresa de fidelidade Smiles firmou parceria com o grupo de varejo Pão de Açúcar para resgate de milhas e venda de produtos aos clientes das redes Pão de Açúcar, Extra, Casas Bahia e Pontofrio. Segundo comunicado, com o acordo os clientes da Smiles poderão transferir milhas para programas Pão de Açúcar Mais e Clube Extra para trocar por vale-compras.

_

Superávit na balança

A balança comercial brasileira registrou superávit de 4,86 bilhões de dólares em abril, o melhor resultado da história para o mês. As importações somaram 10,5 bilhões de dólares, queda de 28,3% na comparação anual. Já as exportações ficaram em 15,3 bilhões de dólares, alta de 1,4% no período. O resultado foi impactado pela recessão econômica e pelo dólar ainda alto frente ao real.