Wall Street tem pouca variação com decepção de chips e declarações do Fed

Projeções decepcionantes das empresas de chips foram compensadas pela perspectiva de uma trajetória menos agressiva de altas de juros nos Estados Unidos

O S&P 500 e o Dow Jones tinham pouca variação nesta sexta-feira (16), com projeções decepcionantes das empresas de chips Nvidia Corp e Applied Materials compensadas pela perspectiva de uma trajetória menos agressiva de altas de juros nos Estados Unidos.

Por volta das 14:48 (horário de Brasília), o índice Dow Jones, enquanto o S&P 500 perdia 0,172515 por cento, a 2.725 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuava 0,64 por cento, a 7.213 pontos.

O recém-nomeado vice-chair do Federal Reserve, Richard Clarida, disse nesta sexta-feira que a taxa de juros dos Estados Unidos está se aproximando das estimativas do Fed de uma taxa neutra e que estar no nível neutro “faz sentido”.

“Os investidores estão começando a olhar para as declarações do vice-chairman esta manhã como talvez um pouco ‘dovish’, e isso está levantando preocupações sobre o crescimento global”, disse Chris Gaffney, presidente de mercados mundiais no TIAA Bank.

Embora uma alta de juros pelo Fed em dezembro seja esperada, o número de aumentos no próximo ano ainda é tema de debate pelos investidores.

A Nvidia Corp caía 17 por cento, liderando as quedas do S&P 500, depois que a designer de chips culpou estoque de produtos não vendidos conforme o boom de mineração de criptomoedas perde força.

A Applied Materials Inc caía 5,2 por cento depois que o maior fornecedor mundial de equipamentos usados para fabricar chips, projetou resultados no trimestre abaixo das estimativas de analistas.