Wall Street opera em baixa por dados de EUA e Grécia

Recuos nas ações de tecnologia, liderados por uma queda de quase 15 por cento na NetApp Inc, pesaram sobre o índice Nasdaq

Nova York – Os principais índices de ações dos Estados Unidos operam em baixa nesta quinta-feira, em meio a persistentes preocupações sobre a possível saída da Grécia da zona do euro, ao mesmo tempo em que dados fracos sobre a economia norte-americana dão aos investidores poucos motivos para assumir risco.

Recuos nas ações de tecnologia, liderados por uma queda de quase 15 por cento na NetApp Inc, pesaram sobre o índice Nasdaq.

Às 14h15 (horário de Brasília), o indicador Dow Jones caía 0,09 por cento, a 12.485 pontos, enquanto o S&P 500 tinha desvalorização de 0,12 por cento, a 1.317 pontos.

O índice de tecnologia Nasdaq perdia 0,40 por cento, a 2.838 pontos.

Dados mostraram nesta quinta-feira que a demanda por bens de manufatura duráveis nos EUA subiu menos do que o esperado em abril, enquanto os pedidos de auxílio-desemprego recuaram levemente para a semana encerrada em 19 de maio.

“Tanto em relação ao emprego quanto às encomendas de bens duráveis, os dados foram um pouco decepcionantes, mas não totalmente negativos”, disse o estrategista-chefe do Key Private Bank Bruce McCain.

“O mercado recuou tanto que as pessoas estão tentando avaliar se precificamos o pior do que já é sabido. Mas com os problemas na Europa e o fato de as notícias não serem encorajadoras, os preços ainda estão baixos”, completou.

O pregão deve ser volátil ao longo do dia, uma vez que investidores permanecem preocupados com a possível saída da Grécia da zona do euro.

Pelo menos metade dos governos da zona do euro, além de bancos e grandes empresas, está fazendo planos de contingência no caso de os gregos decidirem deixar o bloco da moeda única, ainda que a opção preferencial seja de que Atenas mantenha o euro.