Wall Street fecha em leve alta, ignorando preocupações sobre custo

Nesta quarta-feira (25), índice Dow Jones subiu 0,25% e o S&P 500 teve alta de 0,18%, mas Nasdaq recuou 0,05%

Os mercados acionários dos Estados Unidos entraram em território positivo nesta quarta-feira por otimismo sobre uma série de resultados animadores que foram quase ofuscados por preocupações com o aumento nos rendimentos dos Treasuries e custos corporativos.

O índice Dow Jones subiu 0,25 por cento, a 24.084 pontos, enquanto o S&P 500 ganhou 0,183712 por cento, a 2.639 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq recuou 0,05 por cento, a 7.004 pontos.

O S&P 500 e o Dow Jones fecharam em alta após uma sessão volátil, com o Dow encerrando uma sequência de cinco dias de perdas, ao mesmo tempo em que o Nasdaq registrou sua quinta queda consecutiva, pressionado por ações de tecnologia.

“Investidores estão cientes de que os cortes de impostos certamente impulsionaram resultados”, disse Bernard Baumohl, economista chefe global da Economic Outlook Group.

“Mas estamos um pouco defasados no que diz respeito a esse ciclo. As taxas de juros também estão subindo. E em algum ponto, há uma questão sobre por quanto mais tempo essa expansão econômica continuará.”

O rendimento dos Treasuries de 10 anos encerrou acima dos 3 por cento, com a oferta de dívida do governo subindo devido a uma escassez na receita após a ampla reforma tributária.

As ações da Boeing, maior fabricante de aviões do mundo, subiram 4,2 por cento depois que registrou um lucro trimestral maior do que o esperado em meio a fortes vendas de aviões comerciais, levando-a a elevar suas previsões após o recorde de 2017.

No entanto, o Twitter recuou 2,4 por cento depois que a rede social disse que espera uma desaceleração no crescimento da receita e crescentes custos, amenizando o otimismo sobre seu balanço.