Vítimas de Madoff começam a receber as primeiras indenizações

Investidores devem receber US$ 312 milhões a partir de hoje

São Paulo – O primeiro lote de cheques para indenização de vítimas do caso de fraude financeira cometida pelo megainvestidor americano Bernard Madoff começará a ser entregue a partir desta quarta-feira. O montante de 312 milhões de dólares será distribuído para 1.230 investidores que não retiraram todo o dinheiro que foi aplicado no fundo.

A afirmação foi confirmada por Irving H. Picard, advogado e administrador do fundo responsável por recuperar as parte do dinheiro que foi roubado por meio do esquema de pirâmide descoberto em 2008.

“É o primeiro retorno de fundos roubados para os clientes defraudados por Madoff”, declarou Picard ao blog DealBook do jornal americano The New York Times. “A necessidade do pagamento entre os muitos clientes é urgente, e estamos trabalhando para agilizar as distribuições”, acrescentou.

Os primeiros pagamentos teriam sido feitos na semana passada caso uma decisão do juiz Jed S. Rakoff, do tribunal do distrito de Manhattan nos Estados Unidos, não tivesse limitado Picard a recuperar apenas parte dos lucros que alguns de seus clientes, incluindo os proprietários do New York Mets, time de beisebol de Nova York, conseguiram levantar nos últimos dois anos de fraude.

Se fosse aplicada a outros processos envolvendo vítimas do caso Madoff, a determinação do juiz Rakoff iria reduzir para 6,2 bilhões de dólares o montante que poderia ser recuperado por Picard. No entanto, “o problema foi resolvido”, informou o advogado.

Aproximadamente 10,2 bilhões de dólares já foram recolhidos pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos para cobrir parte do total de 18 bilhões de dólares em perdas contabilizadas por vítimas que aplicaram dinheiro no fundo de investimento de Madoff.

Segundo Picard, o montante de 10,2 bilhões de dólares inclui 7,2 bilhões de dólares de Jeffry Picower, um investidor de longa data de Madoff e que faleceu em 2009, sendo reconhecido como um dos principais beneficiados pelo esquema de pirâmide. No total, 65 bilhões de dólares foram aplicados por investidores no caso Madoff.