Veja o que importa na agenda do investidor nesta terça

Começa hoje a reunião do Fed; no Brasil, mercados aguardam a divulgação de dados de inflação

São Paulo – Nessa terça-feira, os mercados internacionais ficam de olho na reunião do Fed, nos EUA. O banco central americano começa hoje a reunião que decide os rumos da política monetária do país. No Brasil, os mercados ficam atentos aos dados de inflação.

Por aqui o dia é de pouco movimento. Logo pela manhã, às 5 horas, será divulgado o IPC- Fipe semanal. A projeção da Gradual Investimentos é de aceleração de 0,22%, ante os 0,13% da semana anterior. Um pouco depois, às 8 horas, é a vez do IGP-M segundo decêndio.

Estados Unidos

Começa nesta terça-feira a reunião do Fed sobre os rumos da política monetária a serem tomados pelo banco. 

Nas últimas semanas o mercado já mostrava sinais de preocupação. Na semana passada, a divulgação de dados mais fortes do que o esperado sobre as vendas no varejo e o mercado de trabalho sinalizaram que a economia americana pode estar melhorando. A preocupação dos investidores é de que o Fed interrompa seu programa de compra de títulos de 85 bilhões de dólares por mês.

A semana começou com os nervos mais acalmados. Em entrevista à imprensa, a diretora do FMI, Christine Lagarde, afirmou esperar que o banco central americano mantenha as compras mensais de títulos públicos e papéis lastreados em hipotecas em 85 bilhões de dólares até o fim deste ano, diminuindo o ritmo a partir do ano que vem. 

Além disso, será divulgado hoje também o índice de inflação da economia americana. Segundo a projeção da Gradual Investimentos, deve haver uma pequena aceleração de 0,2% no indicador mensal, ante queda de 0,4% no mês passado.

Europa

Na Europa, o dia também não é muito movimentado. O único indicador relevante desta terça-feira é o de sentimento da economia, que será divulgado às 6 horas.