Veja as empresas que mais ganharam e perderam valor em agosto

JBS, Eletrobras e BTG Pactual lideraram na ponta positiva, enquanto Ambev perdeu mais de 20 bilhões de reais

Juntas, as 10 empresas que mais ganharam valor de mercado em agosto somaram um incremento de quase 70 bilhões de reais. No mês em que turbulências externas abalaram o Ibovespa, em baixa de 0,66%, tais companhias se sobressaíram, apresentando um desempenho superior no período. Os dados são da provedora de informações financeiras Economatica, fornecidos a EXAME.

Em companhias listadas na bolsa, o valor de mercado é obtido pela multiplicação do preço de uma ação e o número total de ações emitidas pela companhia. Em tese, ele serve para medir o valor pelo qual o mercado estaria disposto a pagar pela empresa, caso ela estivesse à venda.

Repetindo o desempenho extraordinário no ano, a produtora de alimentos JBS liderou a ponta positiva em agosto. A companhia ficou 12,6 bilhões de reais mais valiosa, com um avanço de 19,04% em seus papéis (JBSS3), o quarto maior alta do Ibovespa. Dessa forma, a empresa dos irmãos Batista alcançou um valor de 78,99 bilhões de reais no final do mês.

A estatal elétrica Eletrobras (ELET6), por sua vez, foi a segunda do ranking, com um incremento de 9,07 bilhões em valor de mercado no período, beneficiada pela expectativa de privatização anunciada pelo governo. O sentimento positivo também favoreceu os papéis da Telebras, empresa pública de telecomunicações que entrou na lista de estatais que devem ser colocadas à venda até o final do ano. O preço da ação (TELEB3) disparou 459% em agosto, passando de 26,80 reais para mais de 170 reais cada.

Na ponta negativa, a varejista de bebidas Ambev (ABEV3) perdeu 22,17 bilhões de reais em valor de mercado, após ter chegado a ficar na terceira posição como a empresa mais valiosa da bolsa em julho, atrás apenas de Petrobras e Itaú Unibanco. O lucro sólido de 2,7 bilhões de reais no segundo trimestre deu um “gás” para os papéis, mas notícias de que a empresa teria sido citada na delação premiada de Palocci fizeram bancos revisarem a recomendação de compra no papel, o que prejudicou seu desempenho.

Veja as empresas da B3 que mais ganharam valor de mercado em agosto:

Empresa Valor de mercado em agosto Quanto ganhou em valor de mercado
JBS R$ 78,99 bilhões R$ 12,63 bilhões
Eletrobras R$ 62,40 bilhões R$ 9,07 bilhões
BTG R$ 62,45 bilhões R$ 8,57 bilhões
Hapvida R$ 37,62 bilhões R$ 7,21 bilhões
Intermedica R$ 29,63 bilhões R$ 6,54 bilhões
Alliance Sonae R$ 8,94 bilhões R$ 6,23 bilhões
B3 R$ 91,73 bilhões R$ 5,34 bilhões
Telebras R$ 6,36 bilhões R$ 5,05 bilhões
Magazine Luiza R$ 54,87 bilhões R$ 5,02 bilhões
Sul América R$ 20,80 bilhões R$ 4,26 bilhões

Veja as empresas da B3 que mais perderam valor de mercado em agosto:

Empresa Valor de mercado em agosto Quanto perdeu em valor de mercado
Ambev R$ 294,41 bilhões R$ 22,17 bilhões
Vale R$ 233,69 bilhões R$ 21,74 bilhões
Bradesco R$ 253,99 bilhões R$ 9,47 bilhões
Banco do Brasil R$ 128,84 bilhões R$ 8,30 bilhões
Petrobras R$ 353,24 bilhões R$ 7,11 bilhões
Braskem R$ 23 bilhões R$ 4,37 bilhões
Itaú Unibanco R$ 310,65 bilhões R$ 4,21 bilhões
Kroton R$ 20,51 bilhões R$ 4,05 bilhões
Ultrapar R$ 21,60 bilhões R$ 3,76 bilhões
CSN R$ 22,81 bilhões R$ 2,99 bilhões