Valor de capitalização da Apple supera os US$ 700 bi

As ações da empresa acumulam uma alta de 136% desde a mudança de comando de Steve Jobs para Tim Cook; em 2014, elas acumulam uma alta de 52%

Nova York – O valor de capitalização da Apple superou os US$ 700 bilhões pela primeira vez nesta terça-feira; suas competidoras mais próximas pelo título de maior empresa do mundo estão muito atrás, a ExxonMobil com US$ 405 bilhões e a Microsoft com US$ 392 bilhões, de acordo com dados da FactSet.

Embora muitos críticos tenham questionado se o novo CEO da Apple, Tim Cook, seria capaz de manter o impulso de crescimento da empresa quando ele substituiu o fundador Steve Jobs, em agosto de 2011, as ações da empresa acumulam uma alta de 136% desde a mudança de comando; em 2014, elas acumulam uma alta de 52%.

Segundo o analista Howard Silverblatt, da S&P Dow Jones Indices, os ganhos da Apple respondem por um ponto porcentual do índice S&P-500 neste ano; incluindo a Apple, o índice acumula uma alta de 11,96% neste ano (até o fechamento desta segunda-feira); excluindo as ações da Apple, a alta acumulada do índice é de 10,87%.

Os maiores acionistas institucionais da Apple são o Vanguard Group, com uma participação de 5,6%, e o BlackRock, com 5,4%; os dados são de 30 de setembro, de acordo com a Capital IQ.

O maior investidor ativista da empresa é Carl Icahn, com uma participação de 0,9%.

Desde 9 de outubro, quando Icahn disse que o preço das ações da Apple era metade do que deveria ser, elas subiram 18%; Icahn defende que a empresa aumente seu programa de recompra de ações.

Fonte: Dow Jones Newswires.