Tudo o que você precisa saber antes de o mercado abrir

A candidata democrata nas eleições dos EUA, Hillary Clinton, se livrou de uma nova polêmica relacionada a e-mails trocados quando era secretária de Estado

São Paulo – Leia as principais notícias desta segunda-feira (7) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia

Hillary Clinton se livrou de uma nova polêmica envolvendo trocas de e-mails a menos de dois dias das eleições. O FBI afirmou não ter encontrado motivo para processar a candidata democrata pela troca de mensagens ocorrida quando ela era secretária de Estado.

A Bolsa de Tóquio fechou em alta de 1,61%, encerrando o dia a 17.177,21 pontos. Os investidores estavam aliviados depois de o FBI ter decidido não processar Hillary Clinton nos Estados Unidos. A candidata democrata é vista como mais favorável ao mercado que seu rival, Donald Trump.

O governo Temer quer mudar a lei para intervir na recuperação judicial da Oi. Autoridades já começam a elaborar uma proposta de medida provisória para alterar a lei de falências, segundo o Valor Econômico.

O Brasil deve ficar mais vulnerável às práticas concorrenciais desleais chinesas. A partir de 11 de dezembro, o governo da china quer ser reconhecido como economia de mercado pela OMC, o que impediria que parceiros comerciais tomassem medidas protecionistas contra os produtos vindos do país asiático.

O TST vai analisar o pagamento de juízes e desembargadores. Segundo a Folha, o órgão descobriu que cinco TRTs pagaram por férias não usufruídas aos magistrados, prática que é proibida por lei. No total, foram gastos R$ 23,7 milhões com este tipo de pagamento.

Política e mundo

Reforma da Previdência vale por apenas 10 anos, diz Padilha. De acordo com o ministro, a reforma proposta pelo governo não irá zerar o déficit atual, mas vai ajudar que suba apenas moderadamente até 2025.

Nove ministros de Temer estão na lista de “farra das passagens”. Todas as acusações são referentes ao período em que os ministros exerceram mandato de deputado federal, entre 2007 e 2009. A Procuradoria enviou para Janot uma lista de 219 políticos que teriam feito “uso indevido” de recursos públicos no caso da “Farra das Passagens”.

Fischer, do Fed, disse que mercado de trabalho está forte. O vice-chair do banco central americano não comentou na sexta-feira (4) se a taxa de juros ia subir em dezembromas ele observou que os investidores no mercado financeiro estavam apostando em uma alta no mês que vem.

Primeira-ministra britânica mantém calendário do Brexit. Apesar da Alta Corte ter decidido que a saída definitiva da UE deve passar por votação parlamentar antes de ser efetivada, Theresa May garantiu para a chanceler alemã Angela Merkel e o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, que o calendário para o Brexit não mudou.

Enquanto você desligou…

A Odebrecht está perto de vender sua fatia na Gasoduto Sul Peruano. A empresa tem 55% do empreendimento no Peru, e a transação deve movimentar cerca de US$ 2 bilhões. A norte-americana Sempra e a Tecpetrol, do grupo Techint, devem ser as compradoras.

Brasil puxou crescimento da dona da Havaianas. Graças a cortes de custos e investimentos nas marcas, a operação brasileira da Alpargatas puxou o resultado global da companhia, que teve lucro líquido de R$ 84,5 milhões no 3º trimestre, aumento de 10,6%.

Mercado Livre teve alta de 76% na receita no Brasil no 3º trimestre, a US$ 131 milhões. A cifra corresponde a mais da metade do faturamento de toda a companhia no período, de 230,8 milhões de dólares. O Brasil foi o país com maior expansão (61%), seguido pelo México (33%).

Moody’s melhorou a perspectiva de crédito da Vale para “estável”. Segundo a agência, a mudança reflete melhorias das métricas de crédito da Vale ao longo de 2016.

Agenda do dia

Nesta segunda-feira (7), o Banco Central divulga o Boletim Focus e a Anfavea, as vendas de veículos de outubro. No cenário internacional, os Estados Unidos mostram seu balanço de crédito ao consumidor referente ao mês de setembro.