Tudo o que você precisa saber antes de o mercado abrir

A BR Distribuidora quer de volta R$ 140 milhões pagos a postos de gasolina que deixaram de usar a bandeira BR

São Paulo – Leia as principais notícias desta sexta-feira (18) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia

A BR Distribuidora está cobrando R$ 140 milhões de sócios do BTG e da Setee. O dinheiro foi pago como bonificação a 118 postos de combustíveis. A Petrobras alega que os postos deixaram de usar a bandeira BR, quebrando o acordo firmado.

O Cade está investigando 30 cartéis de empresas envolvidas na Lava Jato. A operação fez com o que número de pedidos de acordo de leniência subisse 300%, o que explica a investigação: a lei só permite que a primeira empresa a denunciar crimes feche o acordo.

Uma nova regra pode obrigar contadores a denunciar irregularidades nas contas de empresas. Segundo o Valor Econômico, o acordo é internacional e passa a vigorar a partir de julho na maioria dos países. Contadores temem sofrer as consequências.

A Bolsa de Tóquio fechou no maior nível em dez meses. O Nikkei subiu 0,59% e avançou para 17.967,41 pontos, o maior patamar desde 6 de janeiro. Ao longo da semana, o índice acumulou alta de 3,41%.

Apoiadores de Trump estão boicotando a PepsiCo nos Estados Unidos. Sites políticos de direita deturparam declarações da presidente da empresa, dizendo que ela recomendou que os eleitores de Trump “comprassem de outras empresas” – o que ela nunca falou.

Política e mundo

Governo estuda mudar regras do Minha Casa, Minha Vida. Atualmente, militares podem participar do programa, desde que respeitados os limites de renda (o teto é de R$ 6,5 mil por mês) mas o MCMV não oferece a opção de construir um condomínio específico para uma determinada categoria.

Após prisão de Cabral, Planalto teme boliche na base governista. Interlocutores do presidente Michel Temer (PMDB) admitem que há o temor de que um eventual efeito dominó de prisões contra peemedebistas possa desencadear em um “verdadeiro boliche” na base governista. Entenda melhor as obras que estão no centro da prisão de Cabral.

Enquanto você desligou…

Conselho da Petrobras aprova venda da Liquigás para Ultragaz por R$ 2,8 milhões. Com isso, a Petrobras atingiu desde o início de 2015 um total de 11 bilhões de dólares em desinvestimentos, parte do programa da Petrobras que prevê arrecadar 15,1 bilhões de dólares em 2015 e 2016.

Metalúrgicos da Embraer aprovam proposta de reajuste salarial. A proposta em questão, referente à data-base 2016, prevê um abono fixo no valor de R$ 4 mil por empregado, independentemente da faixa salarial, a ser pago em 30 de novembro de 2016, somado a um reajuste salarial de 5% sobre o salário nominal a partir de janeiro de 2017.

AES e BNDESPar passarão a ter participação direta na Eletropaulo. A reestruturação visa à simplificação das estruturas acionárias das companhias, promovendo maior agilidade na tomada de decisões e melhora na liquidez dos investimentos.

Controladores da CAB Ambiental fazem acordo para reestruturação da dívida. A Galpar vai colocar as ações que detém na CAB Ambiental num fundo de investimento em participações controlado pela RKP, passando a ser cotista do fundo.

Agenda do dia

Nesta sexta-feira, a Fipe divulga o seu IPC semanal e a FGV, a segunda prévia do IGP-M. Nos Estados Unidos, mais um posicionamento do Federal Reserve, agora o de Kansas City e também a Sondagem de Manufatura da região.