Standard & Poor’s vem ao Brasil para avaliar economia

A finalidade da visita é decidir sobre o futuro do rating de crédito do país

Brasília – Uma equipe da agência de classificação de risco Standard & Poor’s desembarca na próxima semana no Brasil para avaliar a economia brasileira e coletar dados para decidir sobre o futuro do rating de crédito do país, conforme antecipou o Broadcast, serviço de informações da Agência Estado, no início desta semana.

Segundo fontes, entre a segunda-feira, dia 10, e a quarta-feira 12, os integrantes da S&P terão encontros com o setor privado.

Na quinta-feira, 13, e na sexta-feira, 14, estarão em Brasília, onde se reunirão com o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e com os secretários do Tesouro Nacional, Arno Augustin, de Política Econômica, Márcio Holland, e o secretário executivo do ministério da Fazenda, Paulo Caffarelli.

A S&P foi a primeira agência a promover o País a grau de investimento, em abril de 2008. E até agora ela foi a única agência que colocou a nota com perspectiva negativa, primeiro passo para a queda da nota.

Por isso, dependendo da avaliação que será feita, a S&P poderá ser a primeira a rebaixar o Brasil – risco que diminuiu depois do anúncio das medidas fiscais e do resultado um pouco melhor do Produto Interno Bruto (PIB) no quarto trimestre de 2013. A decisão da S&P, que é esperada para até dois meses depois da visita, é percebida como um importante balizador sobre a confiança no País.