S&P rebaixa perspectiva da Suzano para negativa

Desalavancagem mais lenta levou a agência a mudar a perspectiva; rating BB foi reafirmado

São Paulo – A agência de classificação de risco Standard & Poor’s revisou a perspectiva para o rating da Suzano (SUZB5) de estável para negativa. O rating BB foi mantido. 

Segundo comunicado da agência, a revisão da perspectiva reflete uma mudança no cenário-base da empresa, que agora leva em conta uma tendência de desalavancagem mais lenta para os próximos anos, além de incertezas sobre as iniciativas promovidas pela Suzano para reduzir a dívida.

A S&P destaca ainda que a empresa já conseguiu emitir novas ações por meio de sua oferta de ações e deve melhorar suas métricas de crédito após a abertura de sua nova usina no Maranhão, prevista para o final de 2013. 

A agência não descarta, no entanto, uma redução de um degrau se nos próximos trimestre a Suzano não conseguir reduzir sua relação dívida/ebitda (geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) para menos de 5 vezes até 2014.