Preços do petróleo se recuperam após queda de 10%

Os estoques globais de combustíveis estão altos, enquanto refinarias produzem grandes volumes de diesel, gasolina e querosene de aviação

Londres – Os preços do petróleo se recuperavam nesta terça-feira, após uma queda de cerca de 10 por cento em uma semana, mas investidores continuavam preocupados com o excesso de oferta.

Os estoques globais de combustíveis estão altos, enquanto refinarias produzem grandes volumes de diesel, gasolina e querosene de aviação, mas o excesso de oferta reduziu as margens de refino e a demanda não conseguiu equilibrar-se com a oferta.

O petróleo Brent subia 0,85 dólar, ou 2,02 por cento, a 42,99 dólares por barril, às 10:57 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos avançava 0,7 dólar, ou 1,75 por cento, a 40,76 dólares por barril.

“Fala-se muito sobre o excesso de produtos substituindo o excesso de óleo, e isso é um indicador preocupante para a demanda de petróleo”, disse o analista Frank Klumpp, baseado em Stuttgart, da Landesbank Baden-Wuerttemberg.

Outros analistas disseram que a elevada produção de petróleo e produtos continuará a pesar sobre os mercados e que, como resultado, as refinarias deverão reduzir as encomendas da matéria-prima, afetando a demanda por petróleo.