Preços do petróleo saltam após 3ª queda nos estoques dos EUA

O recuo do dólar após a decisão do Fed de manter as taxas de juros também impulsionaram os preços da commodity

Nova York – Os preços do petróleo subiram até 3 por cento nesta quarta-feira após uma surpreendente terceira queda semanal nos estoques dos EUA ajudar a amenizar temores de um excesso global de petróleo.

O recuo do dólar após a decisão do Federal Reserve, o banco central dos EUA, de manter as taxas de juros inalteradas e uma greve de petroleiros na Noruega que ameaça reduzir a produção de petróleo do Mar do Norte também impulsionaram os preços da commodity.

Os contratos futuros do petróleo Brent fecharam em alta de 0,95 dólar, ou 2 por cento, a 46,83 dólares por barril.

O petróleo dos EUA encerrou em alta de 1,29 dólar, ou 2,9 por cento, a 45,34 dólares por barril.

A Administração de Informações de Energia dos EUA (AIE) disse que os estoques de petróleo caíram em 6,2 milhões de barris na última semana, ante uma previsão de aumento de 3,4 milhões de barris em pesquisa da Reuters.

Os estoques de petróleo dos EUA, maior consumidor de petróleo do mundo, caíram bruscamente desde que 14,5 milhões de barris foram retirados na semana encerrada em 2 de setembro, a maior queda semanal desde 1999, quando uma tempestade interrompeu as importações para a costa do Golfo dos EUA.