Petróleo WTI fecha em baixa de 3,23%

Os contratos de futuros do WTI para entrega em agosto, os de mais próximo vencimento, caíram US$ 2,77

Nova York – O Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) fechou nesta sexta-feira em baixa de 3,23%, cotado a US$ 84,45, depois que foi divulgado um relatório decepcionante sobre o mercado de trabalho nos Estados Unidos, onde a taxa de desemprego se estagnou em junho em 8,2%.

No fechamento da última sessão na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), os contratos de futuros do WTI para entrega em agosto, os de mais próximo vencimento, caíram US$ 2,77 ao preço de fechamento da quinta-feira.

A forte queda desta sessão foi propícia por causa do medo nos mercados de que um aprofundamento da crise nos EUA, o maior consumidor de energia do mundo, e outras regiões como a Europa possa impactar na demanda global de petróleo.

Os contratos de gasolina com vencimento em agosto, os de mais próximo vencimento, caíram US$ 0,05 para fechar em US$ 2,71 por galão (3,78 litros), e fechou a semana em leve queda de 0,36%.

Enquanto isso, os contratos de gasóleo para calefação também para entrega em agosto baixaram US$ 0,06 para fechar a US$ 2,70 por galão, com o que fechou os últimos cinco dias em queda de 0,37%.

Os contratos de gás natural com vencimento em agosto baixaram US$ 0,16 e fecharam em US$ 2,78 por cada mil pés cúbicos, apesar de suas reservas terem subido em 39 bilhões de pés cúbicos na semana passada, e terminou em baixa semanal de 1,77%.