Petrobras e MRV agitaram o mercado nesta sexta-feira

O Ibovespa fechou em alta de 2,12% aos 56.963 pontos

São Paulo – O Ibovespa fechou em alta de 2,12% aos 56.963 pontos. O principal índice da Bolsa foi impulsionada pela Petrobras.

Na Europa, as ações reverteram ganhos do começo da sessão e fecharam em território negativo lideradas pelo índice alemão DAX, que tem exposição à Rússia, após notícias de um ataque ucraniano contra um comboio russo.

Esperança de segundo turno

Os papéis ordinários e preferenciais da Petrobras registravam ganhos de 7,32% e 7,85%, respectivamente. O mercado começa a cogitar a possibilidade de segundo turno com a candidatura de Marina Silva.

 

Lucro recorde

Os papéis ordinários da MRV fecharam em alta de 6,44% nesta sexta-feira. A companhia teve lucro líquido de 401 milhões de reais no segundo trimestre deste ano, um aumento de 184,6%, na comparação com o mesmo período do ano passado. Trata-se do maior lucro registrado pela MRV em único trimestre.

Sucessão

Os papéis ordinários da BRF fecharam a sexta-feira em queda de 1,90%. Ontem, o conselho de administração da BRF anunciou que o presidente global (CEO Global) da empresa de alimentos, Claudio Galeazzi, manifestou seu interesse em antecipar o início do seu processo de sucessão.

De olho no Brasil

O Fundo Soberano de Cingapura (GIC) comprou 18,5% das ações da Abril Educação. Segundo comunicado do fundo, o GIC acredita no potencial de crescimento do mercado brasileiro de educação, por isso escolheu investir na empresa. Hoje, as units da companhia fecharam em alta de 1,29%.