Ouro em NY sobe com ata do Fed e veto alemão à Grécia

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), os contratos do ouro para abril fecharam a US$ 1.207,60 por onça-troy

Nova York – Os preços do ouro subiram nesta quinta-feira, 19, recuperando terreno depois da baixa da véspera.

O mercado reagiu à ata da última reunião de política monetária do Federal Reserve, divulgada ontem.

O documento foi interpretado como sinal de que o Fed vai demorar para começar a elevar as taxas de juro de curto prazo.

Os investidores “estão preocupados com o vigor do dólar e com a debilidade da economia mundial. É uma ‘tempestade perfeita’ para o preço do ouro subir”, disse Bob Haberkorn, da RJO Futures.

A rejeição do pedido de prorrogação do programa de crédito para a Grécia pelo governo da Alemanha também contribuiu para a alta dos preços do ouro.

“Essa situação cria uma incerteza contínua, à medida que os analistas começam a examinar a possibilidade, muito real, de que nenhum acordo seja alcançado – o que abre caminho para um possível default da Grécia até o fim do mês”, disse Peter Hug, chefe de operações da Kitco Metals.

Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), os contratos do ouro para abril fecharam a US$ 1.207,60 por onça-troy, em alta de US$ 7,40 (0,62%).

Fonte: Dow Jones Newswires.