Oi dispara com expectativa pelo resultado de aumento de capital

Expectativa do mercado é de que a Portugal Telecom tenha comprado uma fatia maior do que a esperada na companhia

28 de março (Bloomberg) — As ações ordinárias da Tele Norte Leste Participações SA atingiram a maior cotação em oito meses com a expectativa de que a Portugal Telecom SGPS SA tenha comprado uma fatia maior do que a esperada na companhia no aumento de capital que ocorreu até a última quinta-feira.

A Tele Norte Leste, controladora da Telemar Norte Leste SA, que opera sob a marca Oi, disse na sexta-feira que recebeu R$ 8,9 bilhões de acionistas na operação distribuídos entre as duas empresas, segundo comunicado enviado pela companhia à Comissão de Valores Mobiliários. A fatia que a Portugal Telecom terá no grupo após o aumento de capital será anunciada hoje, disse na última sexta-feira o presidente da PT, Zeinal Bava, a jornalistas em Lisboa.

Em entrevista no dia 17 de fevereiro, por telefone, o diretor financeiro da Oi, Alex Zornig, disse que estimava que o aumento de capital somaria R$ 7 bilhões, sendo que R$ 5 bilhões já estariam garantidos pela Portugal Telecom, podendo chegar ao total de R$ 12 bilhões, no máximo.

“Esse valor supera o mínimo de R$ 5,3 bilhões que nós havíamos projetado”, disse Michel Morin, analista do Barclays Plc, em relatório enviado hoje a clientes. “A operação fortalece o balanço da Tele Norte Leste e ajuda a financiar seu plano de investimento, que inclui a soma de até 10 por cento das ações da Portugal Telecom, que custam aproximadamente R$ 1,7 bilhão.”

Os “baixos percentuais” de adesão de acionistas estão “em linha com as expectativas de mercado, dada a já esperada baixa participação dos minoritários”, disse o Banco Santander SA em relatório assinado por Valder Nogueira e outros analistas para clientes também enviado hoje. A fatia da Portugal Telecom na Oi pode ter alcançado 23,7 por cento, “ultrapassando a meta de 22,38 por cento”, disse o relatório.

As ações ordinárias da Tele Norte Leste Participações fecharam em alta de 5,4 por cento, a R$ 37,75, a maior alta do Ibovespa e a maior cotação para o papel desde 27 de julho.

O presidente da Oi, Luiz Eduardo Falco, disse hoje a repórteres no Rio de Janeiro que o acordo entre as empresas é de a Portugal Telecom ter 10 por cento do bloco de controle da Oi e a Oi “um dia vai ter 10 por cento da Portugal Telecom”, que a brasileira “vai comprando devagar”. Falco disse que a ação da Oi subiu “imediatamente” após a capitalização e que se viu participação maior do controlador, Telemar Participações SA, do que de minoritários, o que considerou um sinal de que o controlador acredita na empresa.
As ações preferenciais da Telecomunicações de São Paulo SA lideraram as quedas do Ibovespa no dia, com perda de 7,4 por cento, a maior queda desde 25 de novembro de 2008. Na sexta- feira, a Vivo Participações SA enviou comunicado à CVM informando que a Telesp fará um aumento de capital e que cada acionista da Vivo receberá 1,55 nova ação da Telesp por papel da Vivo que possuir. As ações da Vivo caíram 3,4 por cento, a maior queda desde 9 de fevereiro.