Número de IPOs cai 60% em 2008

Levantamento da consultoria Ernst & Young mostra que a volatilidade nas bolsas de valores fez com que 83 empresas em todo o mundo desistissem de abrir capital

A crise do crédito hipotecário de alto risco (subprime) nos Estados Unidos puxou o freio das bolsas de valores de todo o mundo. Um estudo desenvolvido pela consultoria Ernst & Young mostra que somente no primeiro trimestre de 2008 o número de ofertas públicas iniciais (IPOs, em inglês) despencou 60% em comparação ao último trimestre de 2007. Em relação ao mesmo período do ano passado, a queda foi de 38%.

Ao todo, 83 companhias desistiram de suas ofertas públicas e 24 decidiram adiar a operação. Apesar do mercado pouco propício para estréias, 236 empresas mantiveram seus planos e abriram capital entre janeiro e março deste ano. Com as operações, as companhias captaram 102,1 bilhões de dólares, incluindo os 19,6 bilhões levantados pela Visa no maior IPO da história. “O capital levantado pelas empresas Visa Inc., China Railway Construction Corp Ltda e Reliance Power Ltda demonstra que as empresas ainda são capazes de atrair o interesse dos investidores”, diz Paulo Sergio Dortas, sócio da Ernst & Young.

Estados Unidos, China e Índia concentram 82% dos recursos aplicados em novatas em neste ano. No Brasil, nesta sexta-feira (18/4), a empresa de produtos de consumo Hypermarcas lançou suas ações na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), captando 700 milhões de reais. Os papéis tiveram seu preço inicial fixado em 17 reais, abaixo da faixa esperada pelos coordenadores do IPO, entre 20,50 reais e 24,50 reais, comprovando o receio dos investidores em apostar nas novatas. Já nos primeiros negócios do dia, as ações recuaram, chegando a cair mais de 6% no pior momento do dia. Este foi o segundo IPO na Bovespa no ano e a próxima estréia, da grife Le Lis Blanc, está marcada para o dia 25 de abril.  

Para Dortas, apesar da turbulência no mercado acionário, grandes empresas devem obter bons resultados em ofertas públicas iniciais em 2008. O setor de gasodutos, segundo o executivo, é um dos que apresenta forte movimento de abertura de capital neste ano.

Os campeões de IPOs em 2008

País
Número de IPOs
Austrália
30
China
29
Japão
22
Canadá
20
Polônia
17
Índia
16

Fonte: Ernst & Young