Moody’s mantém nota Baa2 com tendência positiva para Brasil

A perspectiva propícia se baseia principalmente na redução das taxas de juros realizada de forma paulatina desde o começo de 2011

São Paulo – A agência de classificação de risco Moody”s anunciou nesta quarta-feira que mantém a nota do Brasil em ”Baa2”, com tendência positiva.

A perspectiva propícia se baseia principalmente na redução das taxas de juros realizada de forma paulatina desde o começo de 2011, além de outros fatores como a melhora da estrutura da dívida e a expansão da classe média, segundo um comunicado.

A redução dos juros, caso se transforme em uma tendência permanente, pode ter um impacto positivo nas contas do Estado, já que reduziria os esforços que o país tem que fazer para pagar os altos juros de sua dívida externa.

A Moody”s analisou que a lentidão da recuperação denota ”certas fragilidades econômicas”, o que inclui a baixa produtividade no setor manufatureiro e os fracos níveis de investimento.

Se não forem corrigidos esses problemas, o crescimento e a competitividade do Brasil podem ficar comprometidas nos próximos anos, segundo a Moody”s, que deu ao Brasil a nota ”Baa2” em junho de 2011.