Exército faz cerco no RJ e tudo para ler antes de a Bolsa abrir

O exército bloqueará estradas e entrada de áreas dominadas, a Marinha fiscalizará Baía de Guanabara e o porto e a Aeronáutica cuidará do Aeroporto Tom Jobim

São Paulo – Leia as principais notícias desta quarta-feira (21) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia,

Forças Armadas vão atuar para deter entrada de drogas e armas no Rio. De acordo com o jornal O Estado de S.Paulo, o exército bloqueará estradas e entrada de áreas dominadas por grupos armados, a Marinha fiscalizará Baía de Guanabara e o porto, enquanto Aeronáutica cuidará do Aeroporto Tom Jobim.

Presidente da Câmara enfrenta Temer e ignora agenda prioritária do governo. Segundo o jornal Valor Econômicoo presidente da Câmara chamou ontem de “desrespeito”, “equívoco” e “meio sem sentido” a lista de 15 projetos do governo.

Ex-procurador foi informado sobre operação da Lava Jato um dia antes. Reportagem do jornal Folha de S.Paulo revelou que o ex-procurador Marcello Miller soube da prisão de Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG) um dia antes.

Odebrecht foi orientado a não incluir amigos em lista de visitas. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, na lista que ele enviou à Justiça, estão apenas oito delatores da empreiteira.

Petrobrás proíbe que funcionários se encontrem sozinhos com políticos. Reportagem do jornal O Estado de S.Paulo divulgou que a companhia atualizou seu código de conduta interna para evitar repetição de episódios de corrupção.

Política e mundo

STJ revoga prisão preventiva contra Wesley Batista. O irmão do empresário, Joesley Batista, foi beneficiado pela mesma decisão, mas vai permanecer detido porque tem outra ordem de prisão preventiva contra ele.

PF pede prorrogação de 60 dias ao STF de inquérito contra Temer. O pedido de prorrogação era esperado, uma vez que há uma série de diligências a serem cumpridas ainda, segundo uma fonte.

PGR defende detalhamento de decreto sobre intervenção no Rio. De acordo com a procuradoria, o decreto deve ser detalhado para garantir o controle político e judicial das medidas que levaram à sua edição.

Maia diz que pauta alternativa do governo é “desrespeito”. Pauta legislativa prioritária com 15 itens relacionados à economia foi apresentada pelo Planalto na noite desta segunda-feira.

Lula entrega recurso contra condenação na Lava Jato. No recurso de 175 páginas, a defesa de Lula apontou 23 omissões ou contradições no acórdão do julgamento do petista.

STF concede prisão domiciliar a detentas grávidas e com crianças pequenas. A medida vale somente para detentas que aguardam julgamento e não tenham cometido crimes com uso de violência ou grave ameaça.

Preços da gasolina nos postos ficaram estáveis na semana passada. A cotação média da gasolina na bomba ficou em 4,212 reais por litro, entre os dias 11 e 17 de fevereiro.

Enquanto você desligou…

Fachin determina transferência de R$ 600 mil para Transpetro. Os pagamentos são referentes às primeiras parcelas, no valor de R$ 200 mil e R$ 400 mil, pagas pelos ex-executivos da empresa NM Engenharia.

STF vai definir se Facebook terá de pagar multa de R$ 4 mi. Em outubro, o STJ definiu que a empresa teria de pagar multa de R$ 3,96 mi por não obedecer uma determinação da 5ª Vara Federal de Guarulhos.

Fundos da 3G Radar  apoiaram proposta para distribuidoras da Eletrobras. Na assembleia da estatal, ficou decidido que a Eletrobras assumiria mais de 11 bilhões de reais em dívidas de suas distribuidoras de eletricidade

Agenda do dia

Nesta quarta-feira, sai o fluxo cambial estrangeiro. Nos Estados Unidos, sai o dado de janeiro das vendas de casas usadas e as atas da Reunião do FOMC.