LLX e CCX despencam após negarem saída da bolsa

Rumores tinham impulsionado os papéis nesta semana

São Paulo – As ações da LLX e da CCX despencam na BM&FBovespa nesta quarta-feira após as duas empresas de Eike Batista terem negado as informações sobre um possível fechamento de capital que circulavam o mercado.

Na mínima do dia, a primeira (LLXL3) amargava uma baixa de 8,9% e, a segunda (CCXC3), de 10%. Ambas já estão perto do nível de sexta-feira, anterior aos rumores.

O documento publicado ontem afirma que as companhias estão sempre buscando maximizar valor para os seus acionistas e constantemente estudam “possibilidades de novos negócios e arranjos societários, sendo certo que, até o presente momento, não há proposta, documento vinculante ou qualquer decisão nesse sentido”.

O documento ainda diz que elas manterão o mercado informado sobre eventos que possam influenciar as cotações.