Fras-le fará oferta pública de ações

Bancos Santander e Votorantim serão os coordenadores da emissão

Rio de Janeiro – O Conselho de Admnistração da Fras-le aprovou a realização de distribuição pública primária e secundária de ações ordinárias.

Os bancos Santander e Votorantim serão os coordenadores da emissão, informou a companhia nesta quarta-feira.

A fabricante de materiais de fricção é controlada pela Randon. Na emissão secundária, os acionistas vendedores serão os fundos de investimento Mauá Participações, Mauá Órion e Scorpions.

A companhia ainda não forneceu mais detalhes da emissão, como número de ações ofertadas ou calendário. Os recursos serão utilizados em aquisições no Brasil e no exterior, segundo o prospecto.

Nesta quarta-feira, as ações preferenciais da Fras-le encerraram em alta de 0,69 por cento, a 5,84 reais.