Klabin autoriza recompra de 42 milhões de ações

Fatia equivale a 10% do total dos papéis da companhia em circulação no mercado

São Paulo – O conselho de administração da Klabin (KLBN4) aprovou a recompra de até 45.278.818 de suas ações preferenciais negociadas na BM&FBovespa. Os papéis serão mantidos em tesouraria e serão posteriormente alienados ou cancelados, sem redução do capital social, informa comunicado ao mercado na manhã desta quinta-feira (14).

A fatia participante da recompra representa 10% do capital social da companhia, excluindo as ações de propriedade da acionista controladora. Foi definido também o prazo de até 12 de outubro de 2011 para a recompra. O valor dependerá das cotações dos papéis no dia das transações.

A recompra de ações afeta diretamente  a geração de retornos para os acionistas, diluindo menos os valores gerados. Atuarão como intermediárias dos negócios a Itaú Corretora e a Bradesco Corretora.

Leia mais sobre Ações e Bolsas

Leia outras notícias de Mercados

Siga o Canal de Mercados no Twitter