JBS é autorizada a alterar escrituras de emissão de títulos

Detentores de bônus autorizaram a JBS a mudar as escrituras de emissão de títulos como parte do processo de reorganização global da empresa

São Paulo – A JBS recebeu o consentimento de detentores de bônus para renúncias e alterações nas escrituras de emissão de títulos emitidos no exterior da JBS S.A. E JBS USA, com o objetivo de permitir a reorganização global da JBS e subsidiárias.

Os títulos da JBS USA são: Notas Sêniores a 8,250% com vencimento em 2020, Notas Sêniores com juros a 7,250% com vencimento em 2021, Notas Sêniores com juros a 5,875% com vencimento em 2024 e Notas Sêniores com juros a 5,750% com vencimento em 2025 emitidas pela JBS USA e JBS USA Finance, Inc.

Já de parte da JBS S.A., os títulos são: Notas Sêniores com juros a 7,750% com vencimento em 2020, Notas Sêniores com juros a 6,250% com vencimento em 2023 e notas sêniores com juros a 7,250% com vencimento em 2024 da JBS Investments GmbH.

O prêmio estabelecido é de US$ 1,25 por US$ 1 mil de principal aos detentores de títulos que aderiram no prazo, até às 17 horas (de Nova York) de terça-feira, 16.