Investidores apoiam imposto para os ricos nos EUA

Levantamento da Bloomberg mostra apoio para a chamada “Buffett Rule”

São Paulo – A maioria dos investidores globais apoia a proposta do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, de ampliar a cobrança de impostos que é feita aos americanos com rendimento anual superior a 1 milhão de dólares, aponta uma pesquisa realizada pela Bloomberg.

Do total, 63% dos investidores participantes se mostraram a favor do projeto, enquanto 32% são contra. A Bloomberg entrevistou 1.031 investidores, analistas e corretores de diferentes países sobre o tema.

A proposta de Obama ficou popularmente conhecida como a “Buffett Rule” em uma referência ao bilionário Warren Buffett, chairman da Berkshire Hathaway, que propôs a regra em uma tentativa de reduzir o déficit do país. Ele declarou achar errado o fato de ele pagar menos impostos do que sua própria secretária.

O presidente americano afirmou que corrigir os impostos de modo que os ricos não paguem as mesmas taxas que a classe média “é a coisa certa a fazer”.